«2019 será o ano de abertura do Centro Multimédia da Fortaleza de Sagres»

Alexandra Rodrigues Gonçalves, diretora regional de Cultura do Algarve, anunciou, em entrevista ao programa «Impressões», uma parceria do Sul Informação […]

Futuro Centro Multimédia da Fortaleza de Sagres

Alexandra Rodrigues Gonçalves, diretora regional de Cultura do Algarve, anunciou, em entrevista ao programa «Impressões», uma parceria do Sul Informação com a Rádio Universitária do Algarve (RUA FM), que está «em finalização a revisão do caderno de encargos» do Centro Multimédia, que será instalado na Fortaleza de Sagres.

Tudo indica que o lançamento do concurso deverá ter lugar ainda este ano, depois de ultrapassados alguns passos burocráticos necessários: «esperamos, no segundo semestre do ano, ter boas novas», acrescentou.

A «expectativa» de Alexandra Gonçalves é que, «antes do fim do ano», a instalação esteja a começar, para que o Centro Multimédia abra em 2019.

A intervenção vai custar «mais de um milhão de euros». O que falta fazer é, segundo a diretora regional de Cultura, «o miolo», já que as obras no edifício já foram feitas. «Está a embalagem feita, falta o conteúdo», explicou.

O Centro Multimédia, revelou igualmente Alexandra Gonçalves, não se destina apenas aos turistas, mas também a toda a comunidade, «em especial às escolas». Há, aliás, «um projeto educativo associado», que está já a ser desenvolvido pela equipa da Fortaleza de Sagres.

A diretora regional de Cultura recordou que a Fortaleza de Sagres, o terceiro monumento mais visitado a nível nacional, «é um espaço que tem uma pressão de visitas muito elevada». Entre Janeiro e Maio deste ano, a Fortaleza já recebeu 128 mil visitantes. Só no mês de Maio, ultrapassaram os 45 mil visitantes, «o que é uma coisa pouco comum».

Mas, por causa dessa pressão, os esforços para garantir a manutenção do espaço também são «enormes». Por isso, pelo número de visitas que recebe, mas sobretudo pelo que o monumento representa em termos de história regional, nacional e até mundial, a Fortaleza de Sagres «carece» de ter este Centro Multimédia.

 

Oiça aqui, na íntegra, a entrevista de Alexandra Gonçalves ao programa «Impressões».

 

 

Comentários

pub
pub