Discussão do “Algarve 2030” ruma a Loulé

A discussão do Algarve pós-2020 continua com uma nova sessão aberta ao público, desta vez no dia 2 de Maio, […]

Créditos: Depositphotos

A discussão do Algarve pós-2020 continua com uma nova sessão aberta ao público, desta vez no dia 2 de Maio, quarta-feira, a partir das 14h30, no Convento do Espírito Santo, em Loulé. 

Esta iniciativa começa com a receção aos participantes e preenchimento de um questionário de avaliação prospetiva e será aberta às 15h00 por Francisco Serra, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve, e Vítor Aleixo, presidente da Câmara de Loulé e do Conselho Regional.

A reflexão estratégica sobre o futuro de Portugal no médio e longo prazo «é um exercício da maior importância, que o Governo está a realizar de forma abrangente, visando que esta discussão se reflita nos grandes objetivos para o país, bem como na orientação das políticas públicas que para eles concorrem», diz a CCDR.

Através de audições e consultas públicas, já realizadas em Faro e em Vila Real de Santo António, iniciou-se a preparação do próximo período de programação dos fundos da União Europeia no Algarve «que deverá respeitar os objetivos e opções que venham a ser definidos na estratégia para o país, pretendendo-se o envolvimento dos variados atores económicos e sociais da região», diz a CCDR.

Acima de tudo, «estas sessões visam promover a participação dos cidadãos, das empresas e das instituições no processo de construção de uma estratégia, que se deseja partilhada e que contemple a discussão dos grandes desígnios e desafios regionais para a próxima década».

A CCDR Algarve criou um espaço no seu sítio na Internet onde cada cidadão ou instituição pode consultar os vários documentos de reflexão e submeter os seus contributos e que pode ser consultado aqui.

As inscrições devem ser efetuadas até ao dia 30 de Abril, aqui.Esta sessão é promovida pela CCDR.

Comentários

pub
pub