pub
Imprimir

São Brás de Alportel dá espaço aos artistas algarvios nas 19 exposições que acolhe em 2018

São Brás de Alportel vai acolher 19 exposições, em três espaços culturais do concelho, ao longo de 2018. Até final do ano, serão mostrados trabalhos elaborados por artistas algarvios ou residentes no Algarve.

Estão previstas exposições de colecionismo, fotografia, pintura, trabalhos artísticos, tapeçaria, olaria e trabalhos em madeira, que poderão ser vistas na Galeria Municipal, no Centro de Artes e Ofícios ou no Centro Museológico do Alportel.

«Cada exposição mostra diferentes perspetivas, olhares e sensibilidades sobre a região, os seus recursos naturais, as suas paisagens e o seu quotidiano», enquadrou a Câmara de São Brás de Alportel.

Na Galeria Municipal, está patente até 26 de Março a exposição de fotografia “Sinais de Vida”, da autoria de Peter de Jong, «onde é apresentado um olhar diferente sobre as inscrições que foram colocadas em casas dos concelhos de São Brás de Alportel, Loulé e Tavira durante o processo de cadastro predial digital». No dia 28 de Março, será inaugurada no mesmo espaço a mostra “Tochas”, do fotógrafo algarvio Vasco Célio.

No Centro de Artes e Ofícios, pode ser visitada a exposição de pintura, tapeçaria e técnica mista “Relíquias do Sotavento” da Associação de Saúde Mental do Algarve, que tem como inspiração elementos alusivos ao património histórico e natural do sotavento algarvio.

Também patente, neste caso no Centro Museológico de Alportel, está a mostra “Provérbios Ilustrados”, «uma exposição com trabalhos da artista Ana Paula Nunes, que se propôs ilustrar expressões proverbiais portuguesas que transmitem uma sabedoria ancestral, cultural e identitária portuguesa».

A visita às exposições da Galeria Municipal, do Centro de Artes e Ofícios e do Centro Museológico do Alportel é gratuita.

Comentários

pub