pub
Imprimir

Diogo Piçarra, Júlio Resende e Susana Travassos representam Algarve no Festival da Canção

O farense Diogo Piçarra, o olhanense Júlio Resende e a vilarrealense Susana Travassos vão representar o Algarve no Festival da Canção 2018. As duas semifinais estão marcadas para os dias 18 e 25 de Fevereiro e a final, que vai eleger o representante de Portugal no Festival da Eurovisão, realiza-se a 4 de Março.

Júlio Resende é o compositor da canção número 8, “Para sorrir eu não preciso de nada”, que vai disputar a primeira semifinal. Catarina Miranda dará voz à composição do pianista algarvio, que se mudou para Lisboa em 2001 e, mais tarde, para Paris, onde estudou Jazz.

Ao longo da sua carreira, Júlio Resende colaborou com alguns dos maiores nomes da música nacional de várias áreas, desde o Fado, ao Rock. Salvador Sobral, vencedor do Festival da Canção e do Festival da Eurovisão em 2017, é um dos artistas com os quais Júlio Resende tem trabalhado, nomeadamente no projeto Alexander Search.

Já na segunda semifinal, duas vozes da região do Algarve vão fazer-se ouvir no palco. A primeira será a de Susana Travassos, cantora natural de Vila Real de Santo António e filha de Fernando Reis, diretor do Jornal do Algarve, que tem passado grande parte da sua vida no Brasil, onde já atuou com nomes grandes como Zeca Baleiro ou Toninho Horta. No Festival da Canção, vai interpretar a canção número 14, “Mensageira”, composta por Aline Frazão.

Já Diogo Piçarra vai interpretar “Canção do Fim”, uma música composta pelo próprio, que terá o número 19. O músico farense, que venceu recentemente o Prémio José da Ponte, promovido pela Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), que premeia os jovens criadores musicais portugueses, atingiu notoriedade no panorama musical português depois de ter vencido o programa “Ídolos”, da SIC, em 2012.  Antes, o músico já tinha formado uma banda, os Fora da Bóia.

Comentários

pub