pub
Imprimir

Rui Santos e Luís Barroso encabeçam candidaturas independentes às Câmaras de Olhão e de Lagos

A candidatura independente «Olhão pelo Cidadão Movimento» apresentou uma lista encabeçada por Rui Santos à Câmara Municipal de Olhão. O grupo de cidadãos estreia-se nestas eleições e só se candidata a este órgão municipal, nas Autárquicas de dia 1 de Outubro.

Por seu lado, em Lagos, o atual vereador Luís Barroso volta a encabeçar a lista do movimento «Lagos com Futuro» à Câmara Municipal.

A candidatura independente, que nas eleições de 2013 conseguiu eleger Barroso como vereador e diversos membros para os restantes órgãos autárquicos, também apresenta de novo listas à Assembleia Municipal (cuja cabeça de lista é Ana Margarida Martins) e às Juntas de Freguesia de São Gonçalo (Joaquim Pedro Cruz), Luz (Fernando Ildefonso), Odiáxere (José Vieira) e Bensafrim e Barão de São João (Cristina Marreiros). A mandatária da candidatura independente é a radialista Fátima Peres.

No manifesto do «Lagos com Futuro», o movimento diz querer «incentivar a participação de todos os cidadãos nos destinos do nosso concelho». Os seus projetos passam por «implementar uma nova visão estratégica de modo a atrair novos investimentos e emprego; dinamizar a nossa economia todo o ano; criar condições para uma habitação jovem a preço justo; garantir aos lacobrigenses um melhor acesso aos cuidados de saúde primários; intervir na área da segurança garantindo maior conforto na circulação dentro da cidade; apoiar a causa animal promovendo a esterilização e o tratamento de animais de rua; pugnar por uma cidade mais inclusa, amiga das pessoas, uma cidade mais agradável para viver e conhecer; afirmar Lagos como um centro de modernidade e referência cultural do Algarve; potenciar o centro histórico, estimulando o seu repovoamento».

Em Olhão, Rui Santos encabeça uma lista cujo número dois é Luis Carlos Rodrigues, seguido por Isabel Ricardo Leal. A mandatária da candidatura é Maria Pereira Sargaço.

Esta não é a primeira vez que o movimento tenta ir a votos, nas Eleições Autárquicas. Em 2013, o grupo de cidadãos procurou angariar as assinaturas necessárias, mas não conseguiu reunir as suficientes. Este ano, a situação foi diferente, com a candidatura já aprovada e a lista afixada no Tribunal de Olhão.

O Sul Informação já tentou, por diversas vias e várias vezes, contactar com Rui Santos e com o seu movimento de cidadãos, mas sempre sem sucesso.

«Olhão pelo Cidadão Movimento» e «Lagos com Futuro» não são as únicas candidaturas independentes a órgãos autárquicos, sem ligação a ou o apoio de nenhum partido, na região. Em Albufeira, o VIVA – Vontade Independente Viver Albufeira, da atual vereadora Ana Vidigal, eleita como independente em 2103, viu agora o tribunal rejeitar a sua candidatura, mas ainda não desistiu de ir a votos.

Em Monchique, o grupo «Cidadãos por Monchique» candidata João Duarte à Câmara e apresenta listas à Assembleia Municipal e à Junta de Freguesia de Monchique.

Em Faro, há um «Candidato do Amor», Humberto Correia, candidato independente que durante meses reuniu assinaturas na Baixa da cidade e junto ao Mercado Municipal, entrando na luta pela presidência da Câmara farense.

Também independente é a candidatura de José Estevens à presidência da Câmara de Castro Marim, cargo que já ocupou, eleito pelo PSD. O antigo edil castro-marinense entrou em rutura com os social-democratas ao ser preterido na candidatura à Câmara por Francisco Amaral, entregou o seu cartão de militante e avançou com a candidatura independente «Castro Marim Primeiro». Este movimento apresentou listas a todos os órgãos autárquicos de Castro Marim.

Propostas que se juntam às dos diferentes partidos, que pode consultar no mapa das autárquicas do Sul Informação.

 

Lista de candidatos efetivos à Câmara do «Olhão pelo Cidadão Movimento»:

Rui  Santos
Luis Rodrigues
Isabel Leal
José João Faustino
Bruno Pereira
Célia Rosa
Andreia Conceição

Comentários

pub