pub
Imprimir

Alunos da escola Pinheiro e Rosa dão poesia a idosos de Faro e Olhão

Alunos da Escola Secundária Pinheiro e Rosa vão dar poesia a 32 idosos vindos de três  instituições de Faro e Olhão, numa sessão que vai decorrer amanhã, dia 21 de Março, a partir das 10h00, na Biblioteca Municipal de Faro e no vizinho Jardim da Alameda.

A turma do 1º ano do Curso Profissional de Organização de Eventos do estabelecimento de ensino farense juntou-se à Biblioteca António Ramos Rosa na organização de um conjunto de atividades ligadas à poesia, para as quais convidaram seniores da Provectus (Faro), da Santa Casa da Misericórdia de Faro, e da ACASO de Olhão.

Os convidados vão ser surpreendidos com uma iniciativa «cheia de enigmas e desafios, que pretende promover o diálogo intergeracional e a partilha de momentos de boa disposição», segundo a Pinheiro e Rosa. O tema da iniciativa está ligado ao Dia Mundial da Poesia e primeiro dia da Primavera, que se assinalam amanhã.

«As equipas, compostas por seniores e por jovens alunos da Escola Secundária Pinheiro e Rosa, terão como desafio descobrir pistas ocultas ao longo de um percurso no Jardim da Alameda. Todas as pistas estão relacionadas com as celebrações deste dia, como por exemplo, completar o último terceto de um conhecido soneto, ou pescar de um lago uma mensagem contida dentro de uma garrafa. O segredo estará sempre na poesia e na capacidade de a decifrar», acrescentou a escola farense.

No final deste percurso temático os participantes terão oportunidade de assistir a um momento teatral no auditório da Biblioteca, com texto de Ana Oliveira e encenação de António Gambóias. A interpretação estará a cargo de Débora Rodrigues e Hauana Nascimento.

Este evento terá também o apoio de alunos do 2º ano do Curso Profissional de Técnico de Gestão Desportiva da Escola Secundária Pinheiro e Rosa. «No final todos os participantes receberão, para além de abraços e sorrisos, um livro de poemas, gentilmente oferecido pela Biblioteca Municipal de Faro», concluiu a Secundária Pinheiro e Rosa.

Comentários

pub