pub
Imprimir

Concertos cancelados na Semana Académica estão «em negociações» para transitar para 2017

Os concertos de Aurea e DJ Fresh, que foram cancelados na Semana Académica de 2016, devido ao mau tempo, estão a ser negociados para transitar para a edição de 2017. Esta garantia foi dada ao Sul Informação por Rodrigo Teixeira, à margem da cerimónia de tomada de posse para o seu 2º mandato como presidente da Associação Académica da Universidade do Algarve (AAUAlg), que decorreu ontem, dia 5 de Janeiro, no Grande Auditório do Campus de Gambelas, em Faro.

Para Rodrigo Teixeira, «apesar de ainda não ser certo, estamos a explorar as possibilidades, de modo a que a AAUAlg não saia lesada».

Para este ano, um dos objetivos é, também, para eventos como a Semana Académica ou a Receção ao Caloiro, organizá-los «com mais antecedência», assim como «explorar novas possibilidades, como o potencial comercial, ou a baixa de despesas com logística, sem perder a qualidade», referiu.

No seu dia de aniversário, o presidente da AAUAlg tomou, formalmente, posse para um segundo mandato à frente da Associação Académica e, em declarações ao nosso jornal, explicou também que «após um ano em que não investimos [2016], este ano poderemos ter alguma ligeira capacidade de investimento».

Assim, a reintrodução de programas como o «Amanha-te», que quer ajudar estudantes com dificuldades financeiras que estão no limiar de serem ou não contemplados com uma bolsa de estudos, é dos exemplos de projetos onde irão investir. «Estes estudantes podem ser apoiados por bens alimentares ou por senhas nos centros de cópias», explicou Rodrigo Teixeira.

Rodrigo Teixeira

Além deste programa, outras ideias do presidente da AAUAlg prendem-se com a «aposta e consolidação» da 2ª Feira de Emprego ou com a realização da 2ª edição do programa «Integração Solidária», que, na época de praxe, quer aproximar os estudantes das cidades de Faro e Portimão com atividades solidárias, tal como o Sul Informação já deu conta.

Um dos temas mais falados na campanha eleitoral – que Rodrigo Teixeira disputou com Rodrigo Raziel – esteve relacionado com a falta de proximidade entre a Associação Académica e os estudantes. «Todos os anos o dizemos, mas, principalmente devido às dificuldades financeiras, a Associação foca-se mais no seu trabalho interno. Ainda assim, este ano conseguimos ter mais assembleias magnas e mais reuniões gerais», disse o presidente da AAUAlg.

Os novos programas da direção da Associação Académica têm também esta ideia de «aproximar os estudantes» a este órgão da Universidade do Algarve.

Rodrigo Teixeira explicou ao Sul Informação outro projeto a implementar: criar um cartão de descontos para estudantes da UAlg, fazendo protocolos com lojas na cidade. Para já, o presidente levantou um pouco o véu dizendo que há «pré-acordos com os cinemas NOS e com a rede de autocarros Próximo».

A aposta na comunicação é, igualmente, um objetivo, renovando o site, tal como criar um programa de mérito desportivo, «como já existe noutras universidades, em que são dadas bolsas aos estudantes que têm melhores prestações desportivas ao serviço da UAlg e da AAUAlg».

Ainda assim, «principalmente», o caminho é o de levar «avante a recuperação financeira, que tem sido feita desde 2012», explicou Rodrigo Teixeira. Isto porque, confessa, o sonho do presidente desta associação é o de que «daqui a 2 ou 3 anos quem aqui chegar não tenha dívidas para pagar».

Assim, o orçamento para este ano já começou a ser feito e terá de ser apresentado «dentro de um mês». «Queremos ser mais detalhados. Saber quais são as verbas disponíveis para dívida ou quais são as verbas para investimento», explicou Rodrigo Teixeira ao Sul Informação.

 

António Branco, reitor da UAlg, esteve presente nesta tomada de posse, tendo reiterado a confiança em Rodrigo Teixeira, com quem disse «ter trabalhado muito bem». «Não há razão nenhuma para não ter as melhores expetativas para este segundo mandato», acrescentou.

Em relação ao tema quente da praxe, o reitor disse que todos estiveram «à altura da situação». «Quem me conhece sabe que eu prezo muito a liberdade de opinião e não senti nenhuma das opiniões emitidas pela AAUAlg como sendo contra mim». Quanto ao futuro, «a questão estará sempre em cima da mesa. Mas o que eu tenho dito sempre é que é preciso trabalharmos em conjunto para nos aproximarmos da posição mais equilibrada possível».

No que diz respeito à confiança no trabalho de Rodrigo Teixeira, Custódio Moreno, diretor regional do Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ), teve opinião idêntica à de António Branco. «Há vida além das Semanas Académicas e das Receções ao Caloiro. Nas visitas que fiz às instalações da Associação Académica, o tom andou sempre à volta das preocupações sociais da AAUAlg para com os seus estudantes e isso mostra maturidade», referiu.

Já Rogério Bacalhau, presidente da Câmara de Faro, além de endereçar os parabéns a Rodrigo Teixeira, considerou que a «Associação Académica cada vez mais se faz ouvir e cada vez mais é reputada».

 

Fotos: Pedro Lemos|Sul Informação

 

 

Comentários

pub
pub

Em foco

pub
Logo Lugar ao Sul
pub
pub