pub
Imprimir

Castelão Rodrigues candidata-se à Concelhia do PS/Portimão

Joaquim Castelão Rodrigues vai apresentar na quinta-feira, dia 29, na sede do Partido Socialista de Portimão, a sua candidatura à Comissão Política Concelhia local. As eleições estão marcadas para 1 ou 2 de junho.

Entretanto, já há outro candidato anunciado à Concelhia. Trata-se do seu atual líder e vice-presidente da Câmara, Luís Carito, que há algum tempo, em entrevista ao «barlavento», tinha assumido não só a sua intenção de se recandidatar à Concelhia como de ser o candidato socialista à Câmara Municipal de Portimão.

Tendo em conta que Manuel da Luz, ainda que quisesse, não pode ser de novo candidato à autarquia, já se apresentaram dois candidatos à sucessão, pelo lado do PS, desde sempre no poder – Luís Carito, atual vice-presidente da autarquia, e Isilda Gomes, antiga vereadora da Cultura e penúltima Governadora Civil.

Isilda Gomes, no entanto, nunca se apresentou como candidata à Concelhia, mas apenas à Câmara, tendo mesmo enviado uma carta aos militantes socialistas portimonenses a manifestar a sua disponibilidade para tal.

Ao que o Sul Informação apurou, Luís Carito, enquanto atual líder da Concelhia, marcou um jantar para segunda-feira próxima, que, à primeira vista, não teria a ver com a sua recandidatura.

No entanto, ao que soubemos, há informações e telefonemas indicando que o jantar servirá para Carito anunciar formalmente aos seus pares na Concelhia a sua intenção de voltar a concorrer à presidência deste órgão partidário, como ponto de partida para a futura candidatura à Câmara de Portimão.

Com a candidatura de Castelão Rodrigues, membro da Assembleia Municipal pelo PS e ex-diretor regional de Agricultura e Pescas, o quadro parece complicar-se.

Em declarações ao Sul Informação, Joaquim Castelão Rodrigues garantiu que a sua candidatura à Comissão Política Concelhia «não é, obrigatoriamente, o assumir de uma candidatura à Câmara. É apenas uma candidatura à Concelhia. A seu tempo, os militantes logo se irão pronunciar sobre quem serão os candidatos à Câmara».

Questionado sobre se a sua candidatura poderia ser uma terceira via dentro do PS portimonense, Castelão Rodrigues respondeu que «Portimão não precisa de uma 3ª via, mas antes de uma via que seja ganhadora, de uma candidatura forte, sem divisões, para levar a Câmara a bom porto numa conjuntura muito difícil».

Ou seja, uma candidatura que permita voltar a ganhar a Câmara para o PS, numa altura em que a gestão da autarquia está sob fogo cerrado, mesmo de setores da opinião pública tradicionalmente apoiantes dos socialistas, devido à grave situação financeira municipal.

Joaquim Castelão Rodrigues fará a apresentação da sua candidatura no próximo dia 29 (quinta-feira), às 18 horas, na sede do Partido Socialista de Portimão, situada na rua D. Carlos I, torre H1.

O Secretariado Nacional do Partido Socialista aprovou, na sua reunião de 22 de março, a realização das eleições das Comissões Políticas Concelhias nos dias 1 ou 2 de Junho, e os dias 15 ou 16 para a eleição dos presidentes das Federações e dos delegados aos Congressos Federativos.

Comentários

pub
pub

Em foco

pub
pub